sábado, 2 de março de 2013

Claudemir Geronazzo Mena

Partiu o menino Claudemir,
para o céu ele foi arrebatado,
tristes ficamos a sentir,
saudade do poeta iluminado.
*******
Nos deixou o menino poeta,
nas estrelas voltou a morar,
agora no céu ele faz festa,
com amigos anjos a versejar.
*******
Um poeta nunca morre,
vira uma estrela luzente,
e na tristeza nos socorre,
com seus versos eloquentes.
*******

Minha homenagem ao poeta
Claudemir Geronazzo Mena-
O menino sem juízo (1953-2013),
que nos deixou repentinamente
e foi fazer poesias nas estrelas.
Seu blog continua e quem não 
conhece acesse o link abaixo.
Até qualquer dia poeta, pois de
repente ou não, todos vamos partir...

Nádia Santos
02/03/13

6 comentários:

  1. Muito legal as quadras e a homenagem.
    Beijo grande poeta!!!
    Aqui na minha terra não distinguimos poeta de poetisa.

    ResponderExcluir
  2. Querida Nádia,
    Imagino que o MeNiNo SeM JuIzo, lá nas estrelas, sorri e escreve uma resposta versada nas nuvens para lhe agradecer.
    A saudade é profunda, a dor ainda intensa, mas ele vive através dos seus versos e nos nossos corações.
    Beijinho.

    => Crazy 40 Blog
    => MeNiNoSeMJuIz®

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E que assim seja amiga Dulce. Bjus de luz.

      Excluir
  3. Bom dia, Nádia!

    É. Os poetas nunca morrem. Podem morrer fisicamente, mas nas palavras, nas emoções e sensações que nos transmitem, eles continuam bem junto de nós.

    Irei consultar o blog dele, agora.

    Tenha um domingo maravilhoso. já que, em Lisboa não há sol e está muitoooooooo frio.

    Beijos da Luz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Luz por estar aqui tbem. E agradeço o carinhoso comentário. Bjus

      Excluir

Sua visita é sempre bem vinda e seu comentário muito importante para mim. Um beijo no seu coração!

Quem sou eu... mas só um pouquinho.