domingo, 13 de abril de 2014

Por-do-sol (II)

O por-do-sol tem encanto, 
é fascínio e sedução
escuto os pássaro
a magia de seus cantos
e palpitando fica o coração.
-E penso sempre em ti
na hora que o sol adormece, 
e é neste instante que de saudade,
meu coração enlouquece...

Nádia Santos

5 comentários:

  1. Bom dia

    És maravilhosa no que escreves.. amei

    Tenha um lindo Domingo.

    Beijos

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. Oi Nádia, Sempre amei o pôr do sol, ele é uma das minhas fontes inspiradora
    Tudo O.K?
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde

    Amar ao pôr do Sol, ouvindo o cantar das aves, é simplesmente maravilhoso...como é o teu poema

    Desejo um Domingo feliz
    ********************
    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  4. Oi Nádia,sou suspeita em falar sobe o pôr do sol,quase sempre presente
    em meus versos.
    Muito lindo.
    bjs amiga e um ótimo final de domingo.
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  5. Blog encantador,gostei do que vi e li,e desde já lhe dou os parabéns,
    também agradeço por partilhar o seu saber, se achar que merece a pena visitar o Peregrino E Servo,também se achar que mereço e se o desejar faça parte dos meus amigos virtuais faça-o de maneira a que possa encontrar o seu blog,irei seguir também o seu blog.
    Deixo os meus cumprimentos, e muita paz.
    Sou António Batalha.

    ResponderExcluir

Sua visita é sempre bem vinda e seu comentário muito importante para mim. Um beijo no seu coração!

Quem sou eu... mas só um pouquinho.