terça-feira, 2 de junho de 2015

Será tarde...


Quantas vezes nessa vida amamos 
e não fomos correspondidos...
Ou descobrimos que alguém 
nos ama mas não conseguimos 
sentir por este alguém o mesmo
sentimento... E não há porque
se sentir culpado ou sentir raiva.
Cada um dá o que tem, não é 
mesmo! Mas se fazes pouco
do meu amor, do meu querer
não ficarei triste contigo... não.
Quem deve ficar triste é você,
porque não sabe o que perdeu.
E se chegar a descobrir será tarde,
pois o amor será reciclado e ficará
a espera de quem dê valor.

Nádia Santos

3 comentários:

  1. Oi Nádia,
    Amor reciclado, um bom tema para uma esperançosa poesia.
    Tá brava mulher, nenhum homem vale uma lágrima de uma mulher.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Nádia
    Bem verdade, as tuas palavras. Gostei de ler-te.

    Beijos

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  3. O amor se dá para àquele que merecer.
    Muito lindo Nádia.
    Bjs e um ótimo feriado.
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir

Sua visita é sempre bem vinda e seu comentário muito importante para mim. Um beijo no seu coração!

Quem sou eu... mas só um pouquinho.